Com as férias, e os dias de calor que se fizeram sentir, era complicado manter a Horta e por isso em finais de Julho decidimos não semear nada até setembro, altura em que estariamos de regresso a casa e com mais disponibilidade para a mesma.

Ainda assim houve quem resistisse ao verão, mais forte do que nunca, a minha couve bróculo, que sofreu um corte radical, mas rebentou toda e está bastante forte.

Ao seu lado está um pimenteiro que me deram, e que pensei que nunca iria dar nada por ser tão pequenino, mas para não se ficar atrás da sua amiga couve está tão vigoroso qto ela, com bastante flor e já com uns pimentinhos a espreitar.

Os meus tomateiros já secaram e deram lugar a outras sementes, mas houve quem gostasse tanto de ali viver que decidiu tentar de novo. Bem sei que quando o inverno chegar de certo que irá morrer, mas até lá dá gosto de o ver a crescer…e lutar pela vida.

Agora foi altura de semear as nabiças, e os rabanetes que estão a crescer de dia para dia. Altura de fazer o viveiro de alfaces, e esperar que os passaros não comam as sementes. Altura de ver a pouco e pouco a n/ horta a crescer de novo.

As aromáticas, essas continuam bonitas.

E as V/ hortas?

Alda

Anúncios